Construindo relacionamentos sólidos

 

relacionamentosCONSTRUINDO RELACIONAMENTOS SÓLIDOS
Por Edgard Bacchini
Cantares 6: 3 – 8: 6-7

Estamos vivendo um período de uma grande revolução tecnológica. Isto tem influenciado todas as áreas da nossa vida.

Juntamente com esta revolução temos visto uma grande transformação nas redes sociais e o impacto que elas têm causado em nossos relacionamentos.

Com esta revolução veio também às dissoluções das ideologias e instituições, não conseguimos mais nos apegar por um longo período de tempo a elas. Exemplo: (emprego, igreja, partidos políticos).

Estamos vivendo em um mundo altamente pluralista (múltiplas formas de pensar e agir). Exemplo: Os jovens interagem facilmente entre várias tribos, vão do rock ao sertanejo ou do clássico ao axé.

A cultura contemporânea tem modificado o nosso modo de agir e de pensar. As redes sociais estão mudando a nossa maneira de nos relacionarmos.

A maioria das pessoas hoje estão vivendo dentro de suas casas, mas não estão se relacionando com “os” de casa, mas sim com seus “amigos virtuais”.

Vale a velha máxima dos nossos tempos: A internet aproxima os que estão longe e afasta os que estão perto.

Somos cada vez menos capazes de nos dedicar por um longo tempo, de maneira adequada, a uma tarefa… Não temos mais paciência. (Zigmunt Bayman).

Mas não só o intelecto foi afetado. As novas tecnologias influenciaram também a relação entre as pessoas.

Estamos nos tornando cada vez mais individualistas e ao mesmo tempo distraídas. Gastamos muito tempo com coisas fúteis.

O filósofo Zygmunt Bauman chamou estas questões de “Relacionamentos líquidos”. Ou seja, algo que se perde facilmente.

Mas como construir relacionamentos sólidos em uma cultura de relacionamentos líquidos?

Vamos ler Cantares 6: 3 – 8: 6-7.

Cantares é a história de um amor puro e natural, focalizado na simplicidade e santidade de um casamento.

Então antes de prosseguirmos é necessário refletirmos em algo importante: Que tipo de relacionamento estamos querendo construir? Relacionamentos descartáveis ou relacionamentos sólidos?

Importante ainda resaltar que não estamos falando hoje aqui a respeito de pensamentos filosóficos ou passos para se dar bem na vida.

Vamos meditar na palavra de Deus e Salomão foi o homem mais sábio que existiu. Ele não adquiriu sabedoria de forma humana, mas sim inspirado pelo Espírito Santo de Deus.

E o mesmo Espírito que atuou na vida de Salomão pode nos instruir hoje para vivermos com integridade.

A amada de Salomão tinha uma plena convicção: “Eu sou do meu amado e o meu amado é meu”.

1) É ter a certeza para quem você vive.
2) É se comprometer inteiramente neste relacionamento. (Não existem relacionamentos paralelos).
3) É se comprometer na construção deste relacionamento.
4) É se comprometer com a afetividade deste relacionamento.
5) É cuidar e se dedicar de corpo e alma neste relacionamento.
6) É nutrir sentimentos amorosos no relacionamento.
7) É reservar tempo de qualidade para este relacionamento.
8) É regar o amor todos os dias.

Coloque-me como um selo sobre teu coração e como um selo em seu braço.

Um selo aponta visivelmente que a pessoa tem um compromisso assumido com outra pessoa.

Quando você vai a um cartório e reconhece firma eles ainda colocam um selo relatando a autenticidade daquele documento.

Um selo sobre o coração significa que aquela pessoa “tem dono”. Tem quem cuida, tem quem a ama.

Quem tem um selo no braço significa que alguém tomou uma decisão inegociável, um compromisso de viver com o outro até que a morte os separe.

Quem ama desta forma assume um compromisso de fidelidade e cumplicidade.

Por isto é tão importante uma aliança. A aliança que usamos é o nosso selo de compromisso.

Hoje pessoas moram juntas, se envolvem em vários relacionamentos… E por que isto? Porque não fizeram ainda uma aliança. Não assumiram um compromisso em seus corações.

O selo é um compromisso que demanda envolvimento total.

O amor é tão forte quanto à morte, e o ciúme é tão inflexível quanto à sepultura.

É um compromisso que somente a morte os separa, é a decisão de amar para o resto de nossas vidas.

É uma decisão inegociável. Não tem “E SE”.

Na cultura grega existem quatro tipos de amor: Ágape = Tem origem no amor de Deus. (Fileo) = que é a amizade fraternal. (Storge) = que é o amor entre familiares. Maridos/esposa/pais/filhos e (Eros) = que é o amor erótico sexual.

A construção de um relacionamento sólido segue justamente estas etapas. Estes tipos de amor.

Quem ama deseja estar ao lado da pessoa amada, gastar tempo com a pessoa, compartilhar pensamentos, sonhos e promessas.

Quem ama assume o compromisso de cuidar, de zelar pelo bem estar da família.

Quem ama assume o compromisso se envelhecerem juntos.

Quem ama deseja construir o melhor relacionamento possível para viverem da melhor forma possível.

Quem ama abre mão das suas vontades para satisfazer a vontade do outro.

Quem ama abre mão de ser ou estar certo.

Suas brasas são fogo ardente, são labaredas do Senhor.

Este é o amor “Eros”. Creio que o sexo é, talvez, o meio mais poderoso que Deus criou para ajudar você a se entregar inteiramente a outro ser humano. (Tim Keller).

Quem ama assume o compromisso que envolve um renovar sexual.

Sexo é um presente de Deus para o casamento.

“Não vos priveis um ao outro, exceto por mútuo consentimento”. (I Cor. 7: 5).

Algo importante precisa ser dito: Deus criou o sexo para o casamento, para quem tem um compromisso, para quem tem uma aliança de viver com outra pessoa para sempre.

Sexo fora do casamento é pecar contra o próprio corpo. É fornicação. É pecado.

O sexo não é e não deveria ser algo banalizado.

Porém casamento sem sexo é algo penoso. Quem ama procura satisfazer a vontade do seu parceiro.

Brasas são labaredas do Senhor. Deus também acende esta chama.

Ou ainda podemos procurar ajuda de um profissional. (Terapeuta, ginecologista, urologista).
Nem muitas águas conseguem apagar este amor.

Isto significa perseverança, desejo ardente de amar.

A água apaga o fogo, as muitas águas, enchentes podem levar tudo embora e perdermos tudo.

Os rios podem correr, águas podem rolar… Tragédias podem vir circunstâncias adversas, noites traiçoeiras. Dor, perdas.

Mas quem vive um amor com um selo no coração… Este amor não se apaga não se destrói. Ninguém consegue separar este amor.

Se alguém oferecesse todas as riquezas… Se outra pessoa tentar seduzir com presentes, joias, riquezas ou qualquer outra promessa… Não vai conseguir levar… O meu coração tem dono.

Seria totalmente desprezado… Quem ama tem olhos somente para a pessoa amada.

Certamente enfrentaremos e enfrentamos muitas águas, muitas tentações…

Mas se você construir seu relacionamento sobre algo sólido, pode vir o que vier, aconteça o que acontecer… A casa não cai.

O que está faltando em nossos relacionamentos?

Assumir compromisso? Envolvimento total? Uma decisão inegociável?

Que “tipo” de relacionamento você está construindo? Um relacionamento descartável ou um relacionamento sólido?

Anúncios

Sobre Comunidade Moriah

Seja bem vindo! Você acessou a página da Comunidade Moriah, uma Comunidade Cristã dedicada a viver e propagar a mensagem do Evangelho sem barganhas, em um espírito de humildade, sinceridade, moderação e amor. Aqui você poderá ficar por dentro de nossas atividades e conferir algumas das mensagens que têm sido ministradas entre nós. Esperamos que elas possam abençoar a sua vida tanto quanto nos têm abençoado!
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s