NUNCA DESISTA DE LUTAR

3784615800-forca

Quero começar fazendo algumas perguntas:

Você já teve medo de algo e de uma situação difícil?

Você já quis se esconder e deixar a tempestade aquele tsunami passar?

Você hoje se encontra escondido de algo que tem te trazido medo?

Quero falar com você de um grande profeta usado por Deus, mas que teve medo como qualquer um de nós. Elias é seu nome.

Elias vivia em um momento difícil para Israel e com isto seu coração partiu com a apostasia vivida pelo povo.

Elias foi um homem que operou grandes milagres e maravilhas em nome de Deus.

Você conhece a história da vitória de Elias no monte Carmelo. Vamos relembrar.

1- Elias invocou fogo do céu, e matou os profetas de Baal.

2- Depois orou por chuva, e as chuvas vieram, cessando a grande seca de Israel. Ao verem essas coisas, as pessoas imediatamente se arrependeram da idolatria, e voltaram-se para o Senhor.

Mas quando a perversa rainha Jezabel recebeu as notícias dadas pelo rei Acabe que Elias havia matado todos os seus falsos profetas, ela ameaçou matar Elias.

Ela manda um recado a Elias:  I Reis 19:1,2,3

Há quem diga que Elias não estava com medo de Jezabel. Dizem que sua missão foi cumprida no monte Carmelo, e que agora Deus o estava levando ao deserto para lhe ensinar algumas importantes lições. Em outras palavras, que Deus não teve a intenção de fazer Elias enfrentar Jezabel ao voltar a Jezreel.

Pense no seguinte: o Senhor não estaria prestes a permitir que Jezabel levantasse todo um novo grupo de sacerdotes do mal.

Por que iria Deus mandar Elias matar os 400 profetas de Jezabel, e permitir que a mãe da idolatria sobrevivesse?

Seria como aparar os ramos do pecado, mas deixar a raiz sobreviver.

Quando Deus prepara o Seu povo para entrar na plenitude da Sua bênção, Ele nos chama a fazer algo a mais do que apenas nos arrepender.

Ele também nos chama para arrancar o pecado de uma vez por todas de nossas vidas, não podemos ficar brincado com ele.

Para que assim possamos ser levados a termos uma vida de pureza e santidade. Só então poderemos nós experimentar a Sua plenitude.

Creio que a Bíblia prova que Jezabel tinha de ser eliminada.

No Apocalipse, Jesus instrui a igreja em Tiatira:

“Conheço as tuas obras, o teu amor, a tua fé, o teu serviço, a tua perseverança e as tuas últimas obras, mais numerosas do que as primeiras”. Tenho, porém, contra ti o tolerares que essa mulher, Jezabel, que a si mesma se declara profetiza, não somente ensine, mas ainda seduza os meus servos a praticarem a prostituição e a comerem coisas sacrificadas aos ídolos.

Olha, ainda existem muitas pessoas que não conseguem ter a plena benção do Senhor. Estão na igreja, são cheios de fé, pacientes, praticam boas obras, etc.

E sabem por que não conseguem?

Porque ha uma questão, uma coisa atrapalhando, que não deixa que vocês experimentem o Meu favorecimento por completo, diz o Senhor.

Ou seja, vocês se recusam a tratar com o espírito de Jezabel em seu meio.

“Vocês deixam que este espírito do mal prossiga lhes seduzindo”.

Cristo deixa totalmente claro: se for para entrarmos em Sua plenitude, precisamos chegar à raiz da idolatria e do pecado.

Então, qual é o pecado que Jezabel representa?

Em resumo, Jezabel é um espírito indecente de impureza e luxúria de pecado de idolatria.

Para simplificar, Jezabel é uma propaganda sedutora do inferno, e é dirigida unicamente aos servos de Deus.

É produzida para derrubar e destruir todos os que foram tocados e ungidos pelo Senhor.

A passagem do monte Carmelo sustenta isso.

Você já se perguntou de onde vieram aqueles profetas de Baal?

Eles não se tratavam de sacerdotes imigrantes.

Eles eram israelitas. Escolhidos de Deus. Tinham sido seduzidos por Jezabel, e levados ao pecado através de doutrinamento diabólico.

Em minha mente não resta nenhuma dúvida de que Elias foi chamado como instrumento para derrubar tal fortaleza em Israel.

Elias tinha um passado com o Senhor, e era treinado para ouvir a voz de Deus.

Ele orava com tanto poder que os céus se fechavam e abria de novo.

Quando tocou um rio com sua manta, as águas se dividiram.

E levantou da morte um jovem. Elias claramente vivia e se movia dentro do milagroso.

Contudo o poderoso profeta agora estava correndo de medo:

A Guerra Que Começou Entre Elias e Jezabel é a Mesma Guerra Que Combatemos Hoje

 

A mesma guerra está sendo travada na casa de Deus agora mesmo.

Pense num cristão consagrado, alguém como Elias.

Ele se dedica à obra do Senhor, diligente, paciente, anda pela fé, e se dedica na obra do Senhor.

Mas há algo atrapalhando em sua vida.

É um servo que possui medida de Cristo: é salvo, justificado, e ocupa-se dos negócios do Pai.

Mesmo assim, o Senhor chega a igreja dizendo:

“Tenho algo contra você. Você tem permitido algo destrutivo em sua vida. Um espírito de Jezabel lhe seduziu. E isso está impedindo o seu caminhar comigo”.

No entanto, contra você tenho isto: você tolera Jezbel, aquela mulher que se diz profetiza com seus ensinos, ela induz os meus servos à imoralidade sexual e comerem alimentos sacrificados aos ídolos. Ap. 2:20.

Jesus aqui não está falando de uma mulher de verdade que se levanta na igreja.

Não, Ele está se referindo àquelas coisas que você permite que lhe doutrinem: TV, Internet, companhias e os desejos da carne. Todas elas são sedutoras poderosas.

Igualmente, quando Cristo fala de “comerem coisas sacrificadas aos ídolos”, Ele não está falando de comida. Ele está se referindo aos cristãos que se alimentam das imundícies do diabo.

Podemos elevar nossas vozes em louvor na igreja, mas quando vão para casa, entregam suas mentes às piores das imundícies imagináveis: sexo, violência, abominações, adultério, ódio, contendas etc.

Vejam que “Não podemos deixar que a nossa mente se alimente de porcaria. As pessoas que entram na pornografia não conseguem controlar o raciocínio. A cabeça fica sempre correndo junto com as imagens que recebem.

Muitas vezes quando o espírito de Jezabel vem nos seduzir, ele cochicha:

“Você trabalhou muito, e agora precisa relaxar e ai para relaxar você permite todo lixo existente”.

Está na hora de aceitar um pouco de diversão.

Estamos nos dias da graça, e Deus não é duro com os Seus. Vá em frente, viva a vida.

. “Caso você se entregue demais, sempre poderá clamar o sangue de Jesus, e ficar limpo de novo”.

Não! Jesus diz que se você cobiçar no coração, já cometeu adultério. Ele nos diz de modo simples, com olhos brilhantes:

“Dei-lhe tempo para que se arrependesse; ela, todavia, não quer arrepender-se das suas praticas” (Apoc. 2:21).

O “ela” nesse versículo significa os filhos de Deus que foram enganados, os que foram seduzidos pelo espírito de Jezabel.

O Senhor está dizendo:

”Sou misericordioso com você, e tenho sido muito paciente”.

Dei-lhe muito e muito tempo para se arrepender, e deixar o pecado.

Eu lhe enviei profetas, sermões do púlpito, exortações de amigos e familiares.

O Meu Espírito lhe convenceu e te preveniu em amor. Mas você ainda não se arrependeu.

”Quero ardentemente que você entre na Minha plenitude”.

Expus diante de vocês todos os recursos; mesmo assim, continua vivendo de migalhas e enganos.

Você precisa tratar os seus impedimentos de viver uma vida na Plenitude de Deus.

Preste Atenção às Terríveis Consequências de se Deixar Jezabel Viver e dominar a sua mente.

 

Jesus diz quais são essas consequências: Vamos ler Ap.2:22, 23

Por que o Senhor trata com tanta severidade?

É por que o assunto é serio, o tempo de brincar acabou. Igreja não pode viver brincando porque o Senhor é aquele que sonda mente e corações.

Essas não são palavras de algum profeta do Velho Testamento.

É uma advertência do próprio Jesus, nestes dias da graça.

Ele está dizendo: “Cada pessoa individualmente tem de saber que Jezabel precisa ser derrubada. Você tem de dar um último suspiro nessa fortaleza espiritual dominadora, ou então nunca terá uma medida maior de Mim”.

Voltemos agora a Elias.

Pense no seguinte: após sua vitória no monte Carmelo:

Houve reavivamento na terra.

Convencimento no meio do povo e arrependimento amplo. Jezabel ficou sem poder. Se ela tivesse tentado matar Elias naquela ocasião, o povo o teria cercado em proteção. Mas em vez disso, quando a ameaça chegou, Elias foge e se esconde.

Você está entendendo o ponto desta mensagem?

O Deus que o salvou – que lhe deu vitórias contra o pecado, e lhe concedeu milagres – tem o mesmo poder para matar qualquer cobiça do tipo Jezabel que haja em você.

Ele pode destruir qualquer fortaleza, mortificar todo pecado que o assedia, e lhe livrar de todo poder do inimigo.

Muitos de nós quando estamos em luta pensamos:

“O meu hábito é forte demais; sou vencido por ele. Vitória, aonde?”.

É quando o inimigo lhes cochicha: “Deus não está escutando, não esta vendo”.

Você não vai conseguir. ”Apesar de toda oração, você vai cair”.

Mas o Senhor responde: “Não! Nenhuma fortaleza, nenhum espírito de Jezabel terá domínio sobre você”.

Elias fez o que muitos de nós pensamos muitas vezes em fazer: ele fugiu.

Davi certa vez falou de querer voar para o deserto, como um pássaro.

Jeremias desejou ter um lugar isolado para viver, bem longe num lugar despovoado.

Mas a maioria dos que “fogem” nunca na verdade vão a algum lugar. Para nós, é um simples desejo de escapar da situação.

Mas Elias optou por fugir e se esconder.

Muitas vezes achamos que o pecado que age em nos é bem maior que Deus e que não vamos conseguir.

E com isto deixamos Jezabel sobrevier e alimentar nossas vidas.

Deus ama os seus servos mesmo em meio a todos os seus temores e quedas.

 

 

Creio que a história de Elias, revela um dos atos mais cheio de compaixão que Deus tenha mostrado a qualquer servo que esteja com medo.

Elias acabou em baixo de uma árvore de zimbro no meio do mato, tão deprimido que caiu em sono profundo.

Mas o Senhor enviou um anjo para lhe acordar e alimentar com um bolo e um pouco de água. Então Elias comeu e bebeu, mas ainda estava tão deprimido que voltou direto a dormir.

Mais uma vez o anjo o despertou e alimentou com outra refeição. Aí Deus disse suaves palavras ao Seu servo:

“Elias, a jornada é muito grande para você. Então, sente-se aqui e coma” (I Reis 19:7). Ele estava dizendo: “Amigo, não dá para você resolver isso sozinho. Estou contigo”.

Veja o amor de Deus por Elias nunca esteve em dúvida.

Não importava a extensão da falha do Seu servo.

Mesmo em seu medo, em sua depressão e em sua vontade de fugir, Elias ainda era muito amado pelo Pai.

O mesmo é verdade para todos nós que amamos e servimos o Senhor.

Contudo Deus tinha outra mensagem para Elias.

Tratava-se de um aviso misericordioso, e se aplica a nós igualmente hoje em dia. Ele pergunta:

“Que fazes aqui, Elias?” (I Reis 19:13).

Preste atenção: Mesmo tendo perdoado Elias, o Senhor não iria varrer o problema para baixo do tapete. Ele o amava muitíssimo.

Elias respondeu com uma desculpa, mas Deus não iria aceitá-la.

Mais uma vez Ele pergunta:

“Por que você está aqui?”.

Na verdade, Deus estava perguntando: “por que você abandonou a luta, Elias”?

Por que renunciou ao seu ministério? De onde vem esse seu esgotamento?”.

No fim, parece que Deus aceita a desistência de Elias. O Senhor diz, em Suas palavras: “Não vou te forçar a ir, Elias.

O fato é: se quisermos desistir de lutar, o Senhor ira permitir.

E não nos amará menos por isto.

Ele simplesmente irá permitir que continuemos vivendo com nossa limitada medida de Cristo.

Em verdade, quando chegou a hora de Elias ir para o Senhor, ele foi carregado aos céus junto a um carro de fogo. Ele foi um homem grandemente honrado.

Você pode dizer:

”Não tenho problema com lascívia”.

Não sou fornicador ou adúltero.

“Graças a Deus, não fui seduzido pelo espírito de Jezabel”.

Eu me alegro com você. Mas para todo nós desejosos de entrar plenamente na bênção de Cristo, um momento de Elias certamente virá.

Você encontrará o maior, o mais imbatível inimigo que se poderia enfrentar. E o espírito de Jezabel irá lhe tratar com sarcasmo e com deboche.

“Desta vez, você vai cair. Está tudo acabado para você”.

Quando chegar essa hora, você não pode pensar em desistir.

Não renuncie à luta, e nem abandone as promessas que Deus lhe deu.

Ponha abaixo esse espírito de Jezabel. O Senhor diz que o espírito de Jezabel não tem poder sobre você.

Aqui vemos um último quadro das misericórdias de Deus.

Mesmo Elias tendo fugido, o Senhor deu ao Seu servo a palavra final.

As escrituras dizem que Elias profetizou: “Os cães devorarão Jezabel dentro dos muros de Jezreel” (I Reis 21: 20 a 28).

Foi exatamente isso que aconteceu. Jezabel foi morta no exato local de onde Elias havia fugido, e os cães lamberam o sangue dela.

Deus concedeu a Elias a palavra final.

O Rei Acabe, quando ouve essas profecias, ele rasgou as roupas, usou roupas feitas de pano de sacos, jejuou.

Meus irmãos o nosso Senhor nos fez mais do que vencedores.  Então, levante-se e lute.

Pare de se esconder.

Enfrente seu inimigo de frente.

E deixe que Ele o Senhor de nossas vidas te guie na plenitude da Sua bênção.

Se você decidir hoje mudar a rota da sua vida dos seus pensamentos dos seus comportamentos.

E hoje desejar viver uma vida que agrada a Deus em todos os sentidos.

Vamos ler juntos: Isaias 41: 9,12,13

Maior é Deus em sua vida por isto fique de pé e vamos orar glorificar aquele que nos dá vitória junto aos nossos inimigos e temores.

Sobre Comunidade Moriah

Seja bem vindo! Você acessou a página da Comunidade Moriah, uma Comunidade Cristã dedicada a viver e propagar a mensagem do Evangelho sem barganhas, em um espírito de humildade, sinceridade, moderação e amor. Aqui você poderá ficar por dentro de nossas atividades e conferir algumas das mensagens que têm sido ministradas entre nós. Esperamos que elas possam abençoar a sua vida tanto quanto nos têm abençoado!
Esse post foi publicado em Pregações. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s