GRAÇA QUE TRANSFORMA X RELIGIÃO QUE APRISIONA

brreligiao20170419

Lucas 5: 27 – 39

A mensagem do evangelho é libertadora. Quando a graça do Senhor Jesus nos alcança, somo libertos e transformados pelo poder do Espírito Santo de Deus.

A graça transforma pessoas que jamais pensaríamos que teriam recuperação. Que jamais pensaríamos que teriam uma nova chance.

Quando Jesus transforma o coração de uma pessoa, ela deixa de seguir seus próprios caminhos e ela abraça um novo projeto de vida.

Na graça é Deus que transforma o homem de dentro para fora, isto é metanóia, uma mudança de atitude, mudança de mente, mudança de comportamento.

A religião é o homem que tenta ser transformado. Ele tenta ser uma pessoa melhor, ter melhores pensamentos e tenta ter melhores atitudes. Busca inclusive a ajuda de Deus para que isto aconteça.

A religiosidade te dá passos, maneiras, conselhos e atitudes que você deve ter para viver uma vida melhor e ficar bem consigo mesmo e com Deus.

Mas na verdade, a religião muitas vezes aprisiona uma pessoa, pois ela acaba vivendo uma vida cheia de regras e práticas e das quais um dia ela chegará à conclusão que perdeu a vida tentando ser uma pessoa melhor.

Um exemplo: Nesta semana em meu depósito chegou um casal para cima de meia idade perguntando se comprávamos papel e revista e eu disse que sim.
Para minha surpresa o porta malas estava lotado de revistas da seicho-no-ie. Dizia o casal que cansaram de tentar aprender de tudo para viver uma vida melhor e agora estavam descartando tudo.

Com muita tristeza, viram que depois de tantos anos seguindo uma religião, cheia de regrinhas para ser feliz, acabaram ficando frustrados.

O texto que lemos mostra exatamente isto. Jesus com sua graça e misericórdia transformando pessoas e religiosos tentando aprisionar pessoas.

Levi era uma destas pessoas que jamais entrariam em nosso circulo de amizades para não sermos contaminados com a má conduta dele.

Ele era uma pessoa rejeitada pela religião judaica, a qual colocava fardos pesados sobre o ombro das pessoas.

Levi era um publicano = Aquele que era judeu, porém trabalhava a serviço do governo romano como cobrador de impostos. Ele era considerado um traidor do povo.

Era praxe dos publicanos extorquirem a sua povo e com isso enriqueciam de forma ilícita.

Um publicano jamais entraria em uma sinagoga, jamais seria chamado para ser discípulo de algum mestre. Até mesmo o troco pago pelos impostos, os judeus rejeitavam de suas mãos.

Mas Jesus chama este homem, rejeitado pela religião, mas abraçado por Jesus. Abraçado pela graça… Abraçado pelo amor.

Ao ser chamado por Jesus, Levi se levanta imediatamente para abraçar um novo projeto de vida e seguir um novo e vivo caminho.

Levi deixou tudo para trás. Deixou seu lucro, seu trabalho e suas vantagens comerciais, sua desonestidade e resolveu seguir Jesus.

Mas não somente isto. Ele agora convida Jesus para estar em sua casa e lhe oferece um banquete. Chama também outros comparsas cobradores de impostos a fazerem o mesmo.

Afinal quem é alcançado pela graça de Jesus, deseja que outros também sejam transformados por ela.

Percebemos então até aqui que a graça transforma, liberta e convida outros a fazerem o mesmo. Quem é chamado por Jesus faz festa, dá banquete, se alegra.

Por outro lado, a religião rejeita a graça de Jesus.

Quando os mestres da religião viram isto, ficaram queixando-se entre si e com os discípulos de Jesus.

É como se dissesse: Jesus se diz mestre, mas anda com pecadores, com pessoas indignas, com pessoas que a sociedade rejeita. Jesus come e bebe com pessoas que jamais fariam parte do meu circulo de amizades.

Aqui está um grande desafio para a igreja: Podemos estar rejeitando pessoas das qual Jesus está abraçando. Pessoas das qual Jesus quer comer e beber com elas.

O religioso rejeita… Jesus aceita… Jesus transforma… Jesus muda o comportamento e o caráter de qualquer pessoa.

Levi foi abraçado e transformado por Jesus. Afinal quem foi alcançado pela graça é transformado por ela.

Nenhuma pessoa que foi abraçado por Jesus continuou a viver da mesma forma… Pelo contrário existe uma mudança de vida. Levi se tornou um discípulo de Jesus, que ama a Jesus.

Jesus, conhecendo o coração dos religiosos lhes dá uma resposta surpreendente: Não são os que têm saúde que precisam de medido, mas sim os doentes. Eu não vim chamar justos, mas pecadores ao arrependimento.

Quem não se vê como pecador jamais sentirá a necessidade de um salvador.

Quem não se considera doente, mais irá procurar um médico.

Quem se considera bom aos seus próprios olhos por causa da sua religião, rejeita a graça de Deus como salvação.

Como uma pessoa vai se arrepender, se ela se acha uma pessoa boa, justa, honesta e digna de viver bem em qualquer religião?

Afinal, ela precisa se arrepender do que? Era isto que a religião judaica estava prometendo… Eles já faziam tudo o que a lei manda.

Jesus tenta explicar isto contando uma parábola!

“Não se coloca remendo novo em roupa velha e nem se coloca vinho novo em odres velhos”.

A religião tenta remendar a vida das pessoas. É a famosa maquiagem… Fica bonito apenas por um curto período… Depois no outro dia, tem que viver com a realidade da vida.

A religião faz com que você tente colocar algo novo, um novo modelo de vida em cima da sua própria vida antiga.

Ou seja, se você fizer uma lista de passos e começar a seguir boas regras de práticas, você será uma pessoa melhor.

O odre era um recipiente feito com a pele de animais e depois colocado vinho. Quando o odre era velho, já não dava mais para colocar vinho novo, pois os gases do vinho novo estouraria o odre velho.

Assim as pessoas tentam colocar novas regras de vida em cima da sua antiga estrutura religiosa… Com o tempo vai estourar… Vai haver decepção e frustração.

Ninguém consegue mudar a si mesmo com esforços próprios da religião. Somente Jesus pode transformar seu ser.

O novo nunca deve ser misturado com o velho.

Jesus nunca quis colocar um remendo ou uma coisa nova em sua velha estrutura de ser e de pensar.

Infelizmente o que temos visto hoje?

A igreja ensinando as pessoas a viverem bem em cima de estruturas filosóficas, psicológicas e humanas tentando desta forma ensiná-las e viverem melhores, se aceitarem melhores e aceitarem os outros da maneira em que eles vivem. Isto qualquer programa de televisão está fazendo!

A igreja ensinando práticas e princípios religiosos judaicos como forma de alcançar o favor de Deus.

A igreja está se tornando mística e deixando um povo aprisionado por estas práticas.

Ao mesmo tempo em que práticas religiosas não se misturam com graça de Jesus, Jesus se mistura com pecadores para transformá-los em nova criatura.

O chamado de Jesus é um chamado transformador, revolucionário para aqueles que se sentem pecadores e doentes… Para aqueles que estão cansados da religião.

O chamado de Jesus é para aqueles que se sentem rejeitados pela religião, mas abraçados pela graça.

O chamado de Jesus não é para você seguir um monte de leis e regras, mas é para amá-lo e desfrutar do seu amor.

Jesus deseja colocar vinho novo em odres novos. Pessoas que tiveram a mente renovada pelo Espírito Santo de Deus.

Quando Jesus chamou Levi, ele logo se levantou e aceitou o convite da graça, levando Jesus para a sua casa.

Isto nos remete que Levi agora anda com Jesus, segue Jesus e foi transformado por Jesus.

Jesus não remendou a vida de Levi, Ele a transformou e deseja fazer isto em nossas vidas.

Aceite o chamado de Jesus para sua vida.

Anúncios

Sobre Comunidade Moriah

Seja bem vindo! Você acessou a página da Comunidade Moriah, uma Comunidade Cristã dedicada a viver e propagar a mensagem do Evangelho sem barganhas, em um espírito de humildade, sinceridade, moderação e amor. Aqui você poderá ficar por dentro de nossas atividades e conferir algumas das mensagens que têm sido ministradas entre nós. Esperamos que elas possam abençoar a sua vida tanto quanto nos têm abençoado!
Esse post foi publicado em Pregações. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s