ONDE OS FRACOS TEM VEZ

 

forca

O filme “Onde os fracos não tem vez” fala a respeito de um matador psicótico, frio e violento. Ele é impiedoso e está determinado a matar para sobreviver.

Nossa realidade é bem esta. Lutamos para sobreviver e somos capazes de fazer coisas que jamais ousaríamos pensar e que acabamos fazendo. Afinal… Estamos na luta.

O que temos aprendido em nossa cultura é que temos que ser os melhores, os maiores e os melhores capacitados… Quem não é assim não tem vez no mercado.

Estamos tão acostumados com a “cultura do vencedor” que acabamos criando nossos filhos para serem vencedores.

Afinal, ninguém quer criar filhos para ser um “Zé ninguém”.

Ninguém cria filhos e os ensina a serem perdedores… “Mas sabemos que na vida temos que aprender a perder também”.

Deixe-me fazer uma pergunta: Em toda sua vida você obteve mais vitórias ou mais derrotas? Mais acertos ou mais erros? Quantos foram os seus fracassos ao longo de sua jornada?

E por que não ensinamos nossos filhos a perderem? Por que não lhes ensinamos que podemos aprender com os fracassos da vida.

Há alguns dias atrás ouvi uma notícia terrível. Um pai no Japão matou o próprio filho por ele não ter passado no vestibular de um dos melhores colégios.

Cada dia mais se vê na mídia histórias de pessoas que venceram. Que passaram da pobreza para a riqueza. Estas histórias tendem a mostrar que você pode ser um vencedor.

A história do jogador Serginho é linda! O Jornal Nacional mostrou sua história de vida e de luta e Pirituba apareceu nas paginas do jornal.

Mas eu pergunto: Quantos novos “Serginhos” vão nascer em Pirituba novamente?

Vivemos no mundo do faz de conta… E o pior é que estas mensagens de vencedores estão sendo anunciadas em púlpitos nas igrejas dia a dia.

Mensagens da Disneylândia são proclamadas nas igrejas. Estas mensagens dizem que se tivermos fé suficiente, poderemos ser ou fazer o que quisermos.

Que a fé pode nos tornar pessoas saudáveis… Ricas… Prósperas… E que deixaremos de pecar.

Somos ensinados que nos tornaremos príncipes e princesas… Alguns estão beijando os animais errados.

Algumas mensagens me lembram da estória da convenção das galinhas.  Elas fazem um congresso e discutem a respeito da importância de suas asas, como são lindas abertas, e como com elas podem alcançar grandes voos.

Depois voltam todas para suas casas… A pé.

Infelizmente com este tipo de visão estamos perdendo a poder da verdade e somos enredados pelo engano e mentira. (trocamos a verdade de Deus pela mentira).

A bíblia nos ensina que somos apenas pó. Somos pessoas fracas e cheias de pecados.

Deus poderia ter-nos feito perfeitos, fortes, mas em vez disto Ele preferiu enviar o Seu Espírito para habitar em pessoas sujeitas as suas fraquezas, pecadoras, sujeitas a carne e ao pecado.

Todos os dias temos que enfrentar a pecaminosidade do nosso próprio coração. Precisamos sempre nos lembrar de que somos pecadores depravados desde que nascemos.

Precisamos voltar a nos lembrar: “Miserável homem que sou”.

Na bíblia os mais fortes são aqueles que reconhecem suas próprias fraquezas.

Vemos na bíblia que Deus nunca ocultou as fraquezas dos heróis do antigo testamento.

  Abraão mentiu sobre Sara ser sua esposa… Davi foi um adúltero e assassino… Salomão acabou construindo templos idólatras.

Mas em todas estas histórias vemos um Deus habitando em meio a um povo pecador, mas que com sua maravilhosa graça escolheu redimir e habitar no meio deste povo.

Deus resolveu mostrar a sua grandeza ao nos mostrar que somos unicamente dependentes da sua maravilhosa graça.

Infelizmente nos tornamos especialistas em esconder nossas fraquezas. Fazemos um esforço enorme para esconder o quão fraco e pecador somos.

Paulo chama a si mesmo de o principal dos pecadores e mostra a sua incapacidade de obedecer a Deus… Miserável homem que sou.

Deixe-me fazer outra pergunta: O que você acha que Deus espera de você como um pecador redimido?

Quantas pessoas entram em igrejas com o seu rosto mostrando alegria, mas no íntimo do seu coração estão lutando contra todo tipo de pecado.

Pessoas estão travando batalhas terríveis em sua mente e coração.

Alguns estão lutando contra a enfermidade da alma… Outras com enfermidades no corpo.

Outras lutam contra o pecado da pornografia… Outros lutam com os desejos da homossexualidade.

Muitos com desejos insondáveis do coração.

Paulo tinha um problema terrível e queria que Deus o livrasse dele.

  Não sabemos qual era este problema, mas ele o chama de “espinho na carne, um mensageiro de satanás” que atormentava a vida de Paulo.

 Paulo suplicou, clamou a Deus por três vezes para que este espinho fosse retirado de sua vida.

Jesus no Getsemani também orou; “Pai, se possível afasta de mim este cálice”.

E a resposta dada por Deus foi um NÃO.

Ao mesmo tempo Deus conforma o coração de Paulo dizendo: “A minha graça é suficiente para você”.

É como se Deus dissesse a Paulo: Eu prefiro você assim… Fraco… Pecador… Com este espinho… E reconhecendo que você é o principal dos pecadores.

Desta forma você sempre se lembrará de que sua vida depende mais de mim do que de você mesmo, pois o meu poder se aperfeiçoa quando você reconhece que é fraco e pecador.

Deixe-me ilustrar isto: A boneca Barbie é linda e cheia de talentos. Ela é perfeita, seu cabelo é louro e brilhante e sua face é maravilhosa. Ela se veste bem e passeia por vários lugares deslumbrantes.

Mas ela tem uma fraqueza fatal: Seus pés são deformados! Ela não consegue ficar em pé por conta própria.

Ela precisa ser apoiada e amparada o tempo todo. Não existem saltos altos para Barbie e nem mesmo chinelos da Barbie.

Eu sei que é uma comparação estranha… Mas Deus escolheu nos deixar de certa maneira deformados e imperfeitos, mesmo após a nossa conversão.

Somos incapazes de permanecermos em pé sozinhos…

Somos dependentes da graça e misericórdia de Deus em nossas vidas todos os dias.

Jesus mesmo disse: “Sem mim nada podeis fazer”. João 15: 5.

Somos casa imperfeita de Deus, estamos em reforma constante… Algumas coisas precisam ser mudadas de lugar sempre.

Deus preferiu esta carne para que o poder Dele repouse em mim.

Pois quando sou fraco é que sou forte.

Que Deus nos ajude, onde somente em Jesus os fracos tem vez.

Anúncios

Sobre Comunidade Moriah

Seja bem vindo! Você acessou a página da Comunidade Moriah, uma Comunidade Cristã dedicada a viver e propagar a mensagem do Evangelho sem barganhas, em um espírito de humildade, sinceridade, moderação e amor. Aqui você poderá ficar por dentro de nossas atividades e conferir algumas das mensagens que têm sido ministradas entre nós. Esperamos que elas possam abençoar a sua vida tanto quanto nos têm abençoado!
Esse post foi publicado em Pregações. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s