NAS PEGADAS DO PAI DA FÉ

“Eu sou El-Shadai (Deus Todo-Poderoso), caminha diante de Mim e sê perfeito” (Gênesis, 17:1)

Um homem, já em avançada idade, recebe a revelação de um certo Deus, invisível e desconhecido. Uma voz, então, o ordena a abandonar sua terra natal, seus negócios, todas as suas certezas, e partir rumo a um novo lugar, que ele nem mesmo sabia qual era.

Tudo o que ele tinha eram apenas promessas.

Promessas de que a sua vida teria um significado maior. E não apenas para sua família, mas para muitas outras famílias, gente de muito longe.

Promessas de que, de algum modo, ele jamais estaria sozinho (pois aquele Deus desconhecido estaria, de agora em diante, sempre ao seu lado).

Promessas de que ele viria a ser pai, e não um pai qualquer, nem mesmo um pai “exaltado”…

Mas, sim, pai de uma multidão!

Todas aquelas coisas o estranhavam, e até o assombravam, sendo ele um homem já tão idoso.

Porém, algo o impulsionava a prosseguir. Algo o impulsionava a crer.

De alguma forma, ele simplesmente não podia mais ser o mesmo após ouvir aquela voz. E, por causa de sua grande disposição em se entregar àquela missão, ele viria a se tornar, para sempre

Abraão

O pai da fé.  Aquele que foi o portador de uma mensagem que mudou a história da humanidade.

Aquele de quem procedem as três grandes religiões monoteístas (Judaísmo, Cristianismo e Islamismo).

Aquele que, por significar tanto e para tantos, é bendito por famílias em todos os cantos da Terra.

Este mesmo, que é tão grande, ao momento de sua aliança definitiva com Deus, ouviu de Sua boca, essas palavras:

“Sê perfeito”.

O que nos deixa em uma situação preocupante!

Ora, se ele, o grande Abraão, que havia sido escolhido para uma missão tão grandiosa, tão inalcançável, não era “perfeito” (ou seja, se ainda lhe faltava alguma coisa), o que dizer de nós, pobres mortais?

A “perfeição” de Deus parece um padrão alto demais para nós. Talvez você, hoje, esteja sentindo a mesma coisa.

As palavras de Deus são cheias de significado. Qual a mensagem que Ele estava querendo transmitir a Abraão quando disse “sê perfeito”?

Um “mergulho” no texto nos ajuda a compreender melhor. Na verdade, esse texto, lido literalmente, é exatamente assim:

“Caminha perante a Minha face com integridade”.

Em outras palavras, quando você caminhar perante Mim, Abraão, tenha um coração sincero!

Pense na situação de Abraão.

Ele estava sendo chamado para uma caminhada que ninguém antes dele havia feito, para que pudesse contar como era.

No caminho, certamente lhe viriam dúvidas, incertezas, medo. Às vezes, ele viria mesmo a esquecer o propósito de sua própria missão. Outras vezes, ele viria a falhar, pecar, perder a inspiração.

Porém, Deus estava lhe propondo um acordo eterno. Uma aliança, na verdade. E as condições eram essas: “Abraão, seja sincero”.

Por essa “sinceridade”, nós devemos entender um coração disposto a caminhar em verdade, tanto para os outros, como para Deus, como para nós mesmos.

Não por acaso, essas palavras foram ditas antes de que Deus ordenasse um ritual importante: a circuncisão. A circuncisão era um símbolo “físico”, visível, da aliança de Abraão e de sua família com Deus.

A circuncisão, porém, NÃO era a aliança. A aliança já tinha vindo antes, era a disposição, de coração de Abraão, de andar em verdade para com Deus e para com o mundo.

Essa é a circuncisão do coração!

Sem ela, todos os símbolos externos da aliança seriam totalmente vazios.

Hoje, dia de batismo, é um momento importante para a vida de quem está se batizando, e um momento de alegria para todos nós.

Devemos ter a consciência de que o batismo é um sinal externo de uma aliança que já aconteceu no nosso coração.

Quando perguntaram ao Mateuzinho, filho da Maria, por que ele queria se batizar, ele respondeu:

“Porque não quero me separar desse Deus nunca em minha vida”.

E a gente reconhece, nessa fala, o mesmo tipo de fé que fez de Abrãao o pai da fé!

Como no bastismo, em que ficamos totalmente mergulhados, não dá pra separar a água de nós. Por um momento, somos “um só” com a água.

Que, assim como acontece no batismo, assim como uma criança sabiamente falou, não nos separemos de Deus nunca em nossas vidas.

Essa é a nossa oração hoje!

 

 

Anúncios

Sobre Comunidade Moriah

Seja bem vindo! Você acessou a página da Comunidade Moriah, uma Comunidade Cristã dedicada a viver e propagar a mensagem do Evangelho sem barganhas, em um espírito de humildade, sinceridade, moderação e amor. Aqui você poderá ficar por dentro de nossas atividades e conferir algumas das mensagens que têm sido ministradas entre nós. Esperamos que elas possam abençoar a sua vida tanto quanto nos têm abençoado!
Esse post foi publicado em Reflexões e marcado , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s